terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

UM ALERTA AOS PAIS - DO QUE PRECISA UMA CRIANÇA?


Esses dias, compartilhei na minha página do Facebook, um recorte do trecho de uma "crônica" publicada em 03/02/2013 no "Jornal Zero Hora", do Rio Grande do Sul , que traz como chamada "Do que precisa uma criança?", escrito pela jornalista Martha Medeiros, que, gostaria de postar aqui, dividindo com os leitores e, achando ser  merecedor de reflexão dos pais e familiares que se preocupam com a educação, formação e futuro profissional, social e emocional de seus filhos.


Uma das partes do Texto que achei irrelevante é quando a jornalista diz: "É uma tecla insistentemente batida, mas pouco escutada: criança precisa ser amada."

Eu, gostaria apenas de complementar, "amada..., protegida, cuidada, compreendida e orientada!", principalmente no seus primeiros anos de vida. Citando ainda a fala da Psicóloga Roseleide da Silva Santos, quando enfatiza que "amor e carinho vão além de beijo e abraço", e que, “Atenção, preocupação, interesse pelo bem-estar, o olhar e reconhecer as necessidades do outro, tudo isso é relação afetiva, amor, e a criança ou o adolescente que receber isso desejará compartilhar da mesma forma com o outro.”

Não basta apenas suprir as necessidades básicas de uma criança, mas sim, passar a confiança que elas precisam para se tornarem adultos capazes e felizes, se desenvolverem em plenitude tendo auto-estima, autonomia e disciplina.


Um pouco sobre a jornalista: Martha Medeiros, é filha de José Bernardo Barreto de Medeiros e Isabel Mattos de Medeiros, é colunista do jornal Zero Hora de Porto Alegre, e de O Globo, do Rio de Janeiro. Casou-se com o publicitário Luiz Telmo de Oliveira Ramos e tem duas filhas. Estudou no Colégio Nossa Senhora do Bom Conselho, tradicional de Porto Alegre, localizado nos arredores do bairro Moinhos de Vento. Formou-se em 1982 na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS), em Porto Alegre.


Trabalhou em propaganda e publicidade, mas logo se sentiu frustrada com a carreira. Quando seu marido recebeu uma proposta de trabalho no Chile, decidiu que uma mudança de país seria uma ótima oportunidade para dar um tempo na profissão. Esta estada de nove meses no Chile, na qual passou escrevendo poesia, acabou sendo um divisor de águas na sua vida. Quando voltou para Porto Alegre, começou a escrever crônicas para jornal e, a partir daí, sua carreira literária deslanchou.


Fontes: http://pt.wikipedia.org/wiki/Martha_Medeiros
http://www.arcauniversal.com/noticias/comportamento/familia/noticias/carinho-e-amor-na-infancia-formam-um-adolescente-mais-afetivo-12799.html
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...