segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

BOLSAS DE GRADUAÇÃO OU PÓS-GRADUAÇÃO EM UNIVERSIDADES EUROPÉIAS - VEJA AS MAIS PROCURADAS



 

Matéria de Claudia Gasparini, EXAME.com

A Europa é o destino escolhido por muitos brasileiros que querem turbinar a carreira com um diploma obtido no exterior.

A boa notícia é que existem cada vez mais subsídios para cursar graduação ou pós-graduação do outro lado do Atlântico.

Além do programa Ciência sem Fronteiras (CsF), as próprias universidades europeias têm oferecido bolsas para estudantes de destaque. Feiras como a próxima Euro-Pós 2014, por exemplo, são uma típica iniciativa do Velho Continente para atrair estrangeiros.


Os cursos de pós mais procurados em 3 países europeus


Investigamos os cursos de pós-graduação mais procurados pelos brasileiros em três países europeus que oferecem bolsas de estudo: França, Holanda e Alemanha.


É o que você vê a seguir:

França


Avenue Montaigne, Paris, França

França: 
período para inscrições para estudar no país começa em dezembro


Quais são os cursos mais populares? Os brasileiros que escolhem a França buscam títulos de mestrado ou doutorado nas áreas de direito (em universidades de Paris, Lyon e Toulouse), psicologia (em universidades de Paris e de Montpellier), comunicação (em Paris e Grenoble), gestão (em Grenoble e Toulouse), relações internacionais e letras (Lyon).

Como se inscrever? Quem se interessa pelo país precisa estar atento à chegada de dezembro, mês que marca o principal período para se inscrever em programas de graduação e pós.

O primeiro passo para estudar na França é consultar o catálogo de formações disponíveis no país pelo site do Campus France Brasil, órgão oficial do governo francês. 

Para se candidatar a uma vaga de pós-graduação de nível master ou doutorado, o aluno pode se inscrever pela plataforma online do Campus France ou entrar em contato diretamente com a universidade de interesse.

É preciso falar francês? Depende. As instituições do país costumam oferecer cursos em francês ou em inglês, vale checar antes de escolher.


Holanda

Ponte em Giethoorn, na Holanda

Holanda
para estudar lá, não é obrigatório falar holandês, porque as aulas são em inglês

Quais são os cursos mais populares? Os programas de pós-graduação com mais candidatos brasileiros são direito internacional, administração e logística, arquitetura e design (em insituições de Amsterdam, Rotterdam e Haia), saúde ( em instituições de Groningen), economia, artes e ciências sociais ( em faculdades de Maastricht), engenharia e tecnologia ( em universidade de Eindhoven).
Como se inscrever? As inscrições para programas de pós-graduação na Holanda ficam abertas todos os anos entre setembro e abril. Quem sonha com o país precisa iniciar o contato com as universidades com a maior antecedência possível.

O OTS Brazil, programa que oferece mais de 70 bolsas de estudo exclusivas para brasileiros no país, está com inscrições abertas até 1º de abril de 2015.

O primeiro passo de quem está interessado é escolher uma das 23 universidades holandesas e buscar contato para obter uma carta de aceite. Para ser escolhido, é preciso apresentar bom desempenho acadêmico comprovado por meio de histórico escolar e cartas de recomendação de professores. O canal oficial do governo holandês para ajudar estudantes estrangeiros interessados no país é o site do Nuffic.

É preciso falar holandês? Não, as aulas são ministradas em inglês. É necessário apresentar certificado de proficiência no idioma.


Alemanha

Munique

Alemanha:
 a universidade mais procurada pelos brasileiros é a Universidade Técnica de Munique

Quais são os cursos mais populares? Os cursos de pós-graduação mais procurados por brasileiros são na área de engenharia, ciências naturais (Universidade Técnica de Munique e na RWTH de Aachen), medicina (também na Universidade Técnica de Munique), matemática, biologia, química, física e psicologia (Universidade Técnica de Dresden) 

Como se inscrever? Para programas de mestrado e doutorado, muitas das instituições que oferecem bolsa exigem do candidato um orientador definido na Alemanha. Assim, é importante pesquisar qual professor você gostaria que fosse seu orientador e contatá-lo com antecedência para saber se ele aceita a função. O site do DAAD, serviço oficial da Alemanha para estudantes estrangeiros, traz informações sobre oportunidades de estudo, bolsas, prazos e requisitos para estudar no país.

É preciso falar alemão? Não. Normalmente, os cursos de pós-graduação são ministrados em língua inglesa. Via de regra não são exigidos conhecimentos prévios de alemão, apenas inglês fluente.

Fonte: http://exame.abril.com.br/carreira/noticias/os-cursos-de-pos-mais-procurados-em-3-paises-europeus#1






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...